Marketing político: 3 importantes passos para realizar essa estratégia

O mundo digital muda constantemente, novas formas de divulgação surgem em uma época que nos tornamos cada vez mais dependentes da tecnologia. Uma boa estratégia de marketing político deve se atentar a essas mudanças e acompanhá-las. Só assim o candidato ou organização política conseguirão obter êxito na disputa eleitoral.

Neste texto, vamos mostrar que apenas os horários políticos na TV e a distribuição de santinhos já não são mais suficientes para convencer o eleitor. Quer saber mais? Continue lendo!

O que é marketing político?

Marketing político é um conjunto de técnicas publicitárias que visam promover algum candidato ou organização, criando um clima de confiança entre estes e os eleitores.

Em poucas palavras, as estratégias de marketing político buscam aproximar a população das ideias dos políticos e partidos.

Logicamente, as campanhas publicitárias se intensificam durante as eleições e observa-se que, a cada ano, o marketing político se torna cada vez mais minucioso. Dessa forma, com o avanço da tecnologia, essas campanhas precisam se reinventar! Para isso, tem-se explorado os recursos midiáticos e suas novas ferramentas de maneira aprofundada, buscando cativar a maior gama de eleitores possível.

Por que realizar uma campanha de marketing político?

Vamos te dar um exemplo.

Suponha que esse ano se encerre o mandato dos vereadores da sua cidade.

Considere que você não se lembra das propostas do seu último candidato e que não esteve engajado em seu projeto político . Dessa forma, você precisará pesquisar novamente por vereadores que estejam de acordo com suas ideias, podendo assim, mudar de voto.

Nesse caso, entende-se que o vereador que você votou há 4 anos não realizou uma boa campanha de marketing político e, como consequência, pode perder eleitores em sua reeleição.

Um bom motivo para criar uma boa estratégia de marketing é justamente essa: fomentar um grupo que se identifique com os ideais do candidato e que se mantenham próximos. Esses votos são importantes para que o candidato ou partido mantenha uma base de eleitores.

Além disso, no marketing político é possível explorar toda a diversidade das estratégias que o mundo digital oferece. O candidato precisa conhecer essas novas técnicas e aprender a utilizá-las quando pertinente. Dessa maneira, evita-se que sua imagem fique obsoleta.

Um bom exemplo é o uso do Facebook e de outras redes sociais – plataformas muito utilizadas para criar um vínculo com o eleitorado.

3 passos para você organizar uma campanha de marketing político de qualidade

Agora que já falamos sobre o que é o marketing político e sobre sua importância, vamos mostrar a seguir quais os principais passos a serem dados durante a criação de uma boa estratégia!

Desenvolva uma marca política

O primeiro passo é o desenvolvimento de uma marca associada ao político.

Essa marca não diz respeito a desenhos ou logotipos, mas sim à identificação do candidato com alguma defesa social, especialização ou ideia.

Por exemplo:

É comum existirem candidatos que se intitulam especialistas em determinadas áreas da esfera política, como economia, ou que se dizem defensores ferrenhos da educação ou causas sociais. Esses candidatos estão associando a sua imagem a algo que atinge os anseios da população.

Além da associação a uma marca, o político deve sempre buscar preservar a sua imagem. Uma boa reputação é essencial para atrair votos!

Construa uma comunidade

Um candidato forte é aquele que tem ao seu lado uma grande comunidade de eleitores. Assim, para construir força política, é preciso cativar a população!

Depois de ter sua imagem bem consolidada, o político deve fazer o uso dos mais diversos meios de propagação de informações, a fim de divulgar seus objetivos e perspectivas e, como consequência, conseguir fidelizar aqueles eleitores que tenham se identificado com o que fora apresentado.

Carreatas e militância mostram bem a força de um grupo de apoiadores. Entretanto, essas técnicas, se realizadas sozinhas, não tendem a envolver a população como antes. Dentro desse contexto, as redes sociais se mostram grandes aliadas para a criação de uma forte comunidade.

No estudo Consulta de percepções, realizado pela Critério (empresa gaúcha de comunicação e gestão), 52 pré-candidatos a prefeito foram entrevistados para uma análise das atuais estratégias de marketing político em suas campanhas. De acordo com esse estudo, 78% dos pré-candidatos preferiram as mídias sociais para realizar sua campanha em 2020. A análise mostra ainda que o Facebook e o Whatsapp são os canais preferidos desses políticos, com 61,5% e 32,7% respectivamente de adesão.

Uma boa estratégia para o uso dessas redes sociais é a criação de grupos online. Esses grupos estimulam debates e conversas entre os participantes. Dessa maneira, é possível promover uma união entre os integrantes em torno do líder central – seja um político ou um partido.

Reúna aqueles que se identifiquem com as propostas do candidato através de comunidades nas redes sociais e estimule o engajamento dos eleitores, fomentando discussões. Desse modo, estará no caminho certo para a eleição!

Invista em conteúdo

Uma boa estratégia de marketing político deve também fazer uso do marketing de conteúdo.

O político ou organização, nesse caso, busca promover o acesso de um conteúdo informativo e relevante para seus eleitores. Seja através de textos nos mais diversos meios de comunicação ou vídeos, essa estratégia se mostra muito eficaz na atualidade.

Os maiores benefícios da propagação desse material de qualidade são:

Educação dos eleitores

Através dessa estratégia, a equipe política pode divulgar conteúdos voltados para as mais diferentes questões. É possível abordar temas como as necessidades da sociedade em questão, e, assim, salientar a importância das propostas do candidato. Outras importantes informações também podem ser repassadas aos eleitores através do conteúdo, permitindo, assim, a propagação de conhecimento.

Promoção da própria imagem

Conteúdos bem produzidos podem ser compartilhados e chegar aos mais remotos eleitores, atingindo assim cada vez mais pessoas. Portanto, preparar materiais que abordem temas como a história do candidato ou que exaltem seus princípios, ideias e intenções pode ser de grande importância na formação de sua imagem.

Definitivamente, isto será um ponto essencial a ser destacado no processo de conquista de eleitores!

Formação de landing pages

Quando, navegando pela internet, uma pessoa é redirecionada para outra página, ela estará acessando uma landing page. Esta pode ter sido criada para os mais diversos objetivos: coletar dados sobre o visitantes, promover ações especificas ou até mesmo servir como uma espécie de carta de apresentação, com informações que ajudem o público a conhecer determinada pessoa ou ação.

Dessa forma, essa estratégia pode ser utilizada por aquele competindo pelo cargo para promover seu perfil e projetos, aumentando ainda mais o alcance de suas divulgações.

O marketing de conteúdo é uma estratégia que não deve ser negligenciada! Crie um material rico e relevante, que promova sua imagem e ideias. Torne esse conteúdo de fácil acesso e o propague massivamente. Assim você terá dado mais um passo na direção da vitória eleitoral.

Cases de sucesso: Barack Obama

Agora que você entendeu quais são as melhores estratégias a serem adotadas em um marketing político, veja na prática como elas podem favorecer o candidato!

Um bom exemplo de case de sucesso é do ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Durante o seu terceiro ano de mandato, em 2011, visando a reeleição, o então presidente apostou nas redes sociais como estratégia de marketing político.

Pelo Twitter, Obama lançou a grande jogada: quem utilizasse a hashtag #AskObama poderia fazer as perguntas que desejassem ao presidente. Este, então, as leria e as responderia em uma gravação ao vivo.

Definitivamente, essa foi uma ótima estratégia de utilização de uma rede social que permitiu que a população se engajasse e criasse laços com o líder político. 

Saiba mais

Se você ficou interessado neste assunto e deseja conhecer mais sobre o universo da política acompanhe nosso blog! Você com certeza achará outros artigos interessantes clicando aqui.

Para mais informações, fique a vontade para conversar com um de nossos consultores. A equipe Opus, especializada em pesquisas eleitorais, ficará feliz em auxiliá-lo!

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo