×

Chefe de Gabinete

Autor:

Sobre:

Postagens: 17

Por trás de todo político eleito existe uma estrutura que dá sustentação para as atividades legislativas. Esse apoio, é realizado por uma série de pessoas nomeadas pelo parlamentar para compor um gabinete.

Para organizar essa estrutura, é necessário um “chefe”, que é nomeado pelo político. Esta pessoa não precisa ter necessariamente, algum tipo de vínculo anterior com o poder público, de forma que esta função pode ser destinada tanto para um servidor efetivo, quanto para um servidor comissionado.

O que faz um chefe de gabinete

De maneira geral, o chefe de gabinete é uma espécie de “braço direito” do político eleito, que se responsabiliza pela coordenação de atividades de toda a equipe formada pelo político, mantendo a ordem e a organização em vários tipos de processos. Assim, de maneira mais específica, a este cargo de chefia, são atribuídas as seguintes funções: o controle, a direção, a orientação, o planejamento e a supervisão de atividades de assessoramento ao mandatário eleito. Tais atividades abrangem diversas competências, que vão desde a administrativas até a operacionais.

Como atributos para o exercício desse cargo, está a capacidade de trabalhar em equipe, e saber gerir pessoas, através de bons exemplos. Além disso, é característica importante à administração do tempo, como na atividade de montar agendas e saber lidar com eventuais conflitos, ter visão estratégia e o feeling de captar, mesmo que de forma geral, as principais necessidades da população. Determinação e proatividade também são atributos fundamentais para a função do cargo.

Muitas vezes, o chefe de gabinete foi responsável por coordenar e montar a campanha do político.

Leia também: 8 ferramentas para planejar uma campanha eleitoral

 Salário de um chefe de gabinete

O salário de chefe de gabinete é variável, dado que faz parte da divisão da verba destinada ao mandatário eleito, para pagar os membros nomeados por este. Em geral, o responsável por esta divisão é o chefe.

Assim, apesar de variável, o salário de chefe geralmente está em torno do teto remuneratório. A exemplo da Câmara Legislativa, em que o salário máximo é de R$ 15.022,32, a remuneração do cargo de chefia gira em torno desse valor.

Chefe de gabinete do prefeito municipal

No poder executivo também existe a figura do chefe de gabinete. Geralmente, esta é uma pessoa de confiança do prefeito eleito, que deve conduzir as atividades junto aos secretários na sua ausência.

No organograma de muitas prefeituras, o chefe de gabinete responde apenas ao próprio prefeito. Tal acúmulo de poder e responsabilidade coloca essa posição da administração pública em evidência junto aos servidores e à população.

Chefe de gabinete de vereador

Em algumas câmaras de vereadores mais robustas, nas quais os parlamentares contam com vários assessores também existe a função de chefe de gabinete. Entretanto essa posição é menos frequente nesta instância do poder legislativo, sendo observada geralmente em capitais e grandes centros metropolitanos.

Leia também: Guia definitivo de pesquisas qualitativas e quantitativas

Manual de Campanha Eleitoral - Financiamento, Eleitorado e Estratégia


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *