Love Brand: Como conquistar esse título e vencer a concorrência

Para se destacar em um mercado tão competitivo e conquistar clientes cada vez mais criteriosos é preciso executar as melhores estratégias!

Algumas empresas adotam métodos específicos que as permitem ser consideradas Love Brands. Descubra o que você precisa fazer para que a sua companhia também possa ser caracterizada como uma!

O que é uma Love Brand

O termo Love Brand se desenvolveu da expressão Lovemark, criada pelo CEO da Saatchi & Saatchi – Agência de Publicidade, Kevin Roberts e descrita em seu livro “Lovemarks: O Futuro Além das Marcas”.

Ambos os vocábulos significam amor à marca e definem as empresas que possuem uma relação com o cliente muito além da tradicional. 

As Love Brands se caracterizam por representarem um valor, um estilo de vida. A partir disso, o consumidor passa a se identificar com esses princípios particulares da marca.

Dentro desse contexto, as Love Brands possuem como objetivo elevar a relação entre empresa e cliente. O consumidor, ao se reconhecer na proposta apresentada pela instituição, deixa de construir uma relação somente racional com a marca, permitindo a evolução para uma relação emocional.

Nota-se que relações emocionais entre empresa e cliente são mais efetivas, gerando consumidores mais fiéis. Isso ocorre, pois o cliente se sente atraído a comprar um produto da marca em virtude daquilo que ela representa e não somente devido a fatores como preço e custo-benefício.

Dessa forma, as Love Brands conseguem aprimorar as interações com o cliente a ponto de seduzi-lo e conquistá-lo, incitando o sentimento de amor pela marca.

Assim como em toda relação amorosa, há de existir reciprocidade entre a organização e o comprador. Dessa forma, o consumidor espera que a empresa o corresponda com ações que alimentem cada vez mais esse relacionamento.  

Para isso, práticas que aperfeiçoarão a experiência do cliente devem ser adotadas, tornando a Love Brand cada vez mais presente na vida de seus consumidores.

Exemplos de Love Brands

Coca-Cola

Mesmo possuindo um produto envolvido em diversas polêmicas relacionadas à saúde, a Coca-Cola continua sendo uma das marcas mais consumidas do mundo.

Definitivamente, ser uma Love Brand ajudou a empresa a continuar prosperando.

Uma característica marcante da Coca-Cola está ligada a ideia de felicidade que vende. A companhia faz questão de sempre relacionar seus produtos a momentos alegres, de confraternização entre família e amigos.

É exatamente assim que o comprador se sente ao beber o refrigerante: que está participando de um momento prazeroso, de pura felicidade.

Harley-Davidson

A Harley-Davidson também chama a atenção por vender um conceito único a seus clientes.  

Os consumidores da marca não realizam uma compra somente para adquirir o produto desejado, mas para vivenciar o estilo de vida que a empresa promete.

A Harley-Davidson propõe uma nova forma de viver: com mais liberdade, mais paixão. Tudo isso contribui para que seus clientes sejam leais e engajados. Como consequência, a marca se destaca entre a concorrência e possui uma base de consumidores sólida.

Netflix

A Netflix é referência entre as Love Brands. O serviço de streaming aposta em diferentes estratégias para tornar a experiência de seus clientes única.

Em sua plataforma, o usuário encontra filmes e séries direcionados ao seu gosto pessoal. O fornecimento de um serviço personalizado, além de facilitar a navegação do consumidor pelo aplicativo, também mostra ao cliente que suas escolhas importam e estão sendo consideradas.

Ademais, a Netflix aposta firmemente no contato com o consumidor através das redes sociais. Utilizando de uma linguagem leve e informal, a empresa cria uma empatia com seu público, ao respondê-lo de forma bem humorada sobre questões relacionadas a seus serviços.

Nubank

A Nubank também é referência entre as Love Brands. Semelhante à Netflix, a empresa faz questão de comunicar com seus clientes por meio das redes sociais de maneira divertida e empática, cativando inúmeros consumidores.

Além disso, a startup é conhecida, principalmente, por desburocratizar os serviços financeiros. Ao fornecer um atendimento humanizado, personalizado, e utilizar de uma linguagem simples, a Nubank se destaca entre a concorrência e, definitivamente, é um dos serviços preferidos dos consumidores, por ser fácil de ser utilizado.

Apple

O amor à marca Apple por muitos consumidores é inegável. Com um atendimento de excelência, a empresa conquistou clientes extremamente leais.

Os consumidores da marca são verdadeiros fãs! Estes estão dispostos a esperar horas em filas para adquirir um lançamento de celular ou tablet, ou até mesmo entrar em uma discussão sobre porque um iPhone é melhor do que qualquer outro Android.

A Apple, através de diversas estratégias, conquistou um público ávido e se tornou uma das maiores Love Brands do mundo!

5 passos para se tornar uma Love Brand

O que faz o consumidor amar uma marca? 

Para se tornar uma Love Brand é preciso que a empresa volte suas atenções para o cliente e seu objetivo principal deve ser sempre tornar a experiência do consumidor excepcional.

Para isso, é necessário que a marca siga algumas importantes diretrizes. Confira abaixo os 5 principais passos que você deve seguir se deseja tornar sua empresa uma Love Brand.

Crie um Código de Cultura

O principal objetivo de um Código de Cultura é ressaltar todos os aspectos que criam uma identidade para os produtos e/ou serviços fornecidos pela instituição. Com isso, o documento deverá abordar os valores que a marca deseja representar e o tipo de experiência que almeja fornecer.

Portanto, o Código de Cultura ajuda a empresa a ter seus propósitos esclarecidos, a compreender melhor seu diferencial e quais as melhores formas de explorá-lo.

Divulgar o documento também é essencial. Essa é uma pratica transparente, na qual tornará os consumidores cientes da ética e missão da companhia.

Estabeleça estratégias de marketing inteligentes

O cliente irá se conectar com uma marca quando esta representar aquilo que ele acredita, aquilo que deseja ser ou sentir. Dessa forma, é importante que a empresa deixe claro seus valores em cada uma de suas interações com os consumidores.

Após realizar o Código de Cultura, é hora de traçar estratégias para conquistar os desejados clientes.

Compreender qual o público-alvo da empresa é essencial. Isso facilitará a identificação das melhores táticas para chamar a atenção do consumidor.

Qual linguagem devo utilizar na comunicação? Quais as redes sociais que criarão mais interação? Ao estudar o comportamento do cliente, será possível obter muitas respostas para desenvolver ainda mais suas estratégias de marketing.

Aprimore o atendimento ao cliente

Por ser um canal de comunicação direta com a empresa, o atendimento ao cliente tem grande impacto na imagem da marca. Dessa maneira, é essencial o investimento para que o suporte ao consumidor seja realizado da melhor maneira possível.

Uma ótima proposta é aderir ao atendimento humanizado, o qual deixa de lado os serviços automáticos e busca, através da interação humana, ter um diálogo mais empático e afetivo com o cliente.

Usufrua das redes sociais

As mídias sociais são um dos principais meios para que a companhia consiga estreitar a relação com o cliente.

Participar das plataformas on-line – como Instagram, Facebook e Twitter – é uma maneira eficaz para que a marca se faça presente no dia a dia do consumidor, uma vez que é possível se comunicar e criar interações significativas de forma rápida e prática.

Ademais, as respostas da empresa aos engajamentos dos clientes nas mídias sociais fornecem uma confiabilidade à marca. Fator essencial para o sucesso com a clientela.

Estimule os funcionários

O amor pela marca deve ser concretizado, primeiramente, dentro da empresa. Ou seja, os funcionários devem compartilhar dessa afeição para, assim, estarem aptos a espalhar esse mesmo sentimento aos clientes.

Estimular um bom ambiente no trabalho é essencial para engajar os funcionários. Outra opção é recompensá-los, seja com bônus ou garantias. Funcionários felizes geram mais confiança aos clientes!

Vantagens de ser uma Love Brand

Sua marca com mais credibilidade

Ao fornecer uma experiência ao cliente única e diferenciada, a marca gera credibilidade para si. Dentro desse contexto, uma Love Brand, definitivamente, possuirá uma imagem positiva no mercado e irá se sobressair entre a acirrada concorrência.

Clientes pouco sensíveis aos preços

Consumidores estão dispostos a pagar mais pelos produtos que amam. Portanto, nota-se que os clientes de uma Love Brand são pouco sensíveis aos preços. Isso permite que sua empresa eleve o valor de seus produtos ou serviços sem que ocorra abalos significativos em sua clientela.

Clientes leais

Um dos grandes objetivos de uma Love Brand é criar um laço quase indestrutível com seus clientes. Estes estarão dispostos a realizar elogias, comentários e uma publicidade espontânea sobre a marca, gerando mais reconhecimento para a empresa.

Muitas vezes, esses consumidores se sentem motivados a defender seus produtos favoritos, o que pode acabar gerando uma polarização do mercado, uma vez que clientes fiéis de duas empresas de um mesmo ramo estarão dispostos a debater para provar qual é a melhor.

Quem nunca discutiu com alguém sobre qual achocolatado é o melhor, Toddy ou Nescau? Ou sobre qual lugar tem o melhor hambúrguer e a melhor batata-frita, McDonald’s ou Burger King?

Uma Love Brand permite o consumidor estar constantemente engajado com a marca. E o amor sentido pelo cliente o faz defender e divulgar aquilo que gosta.

Gostou do nosso conteúdo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo